O Meu Plano do Bem.


Tudo pensado por pormenor. Aquele Bio-Vivo de erva trigo e aquela cenoura da Quinta do Arneiro não estão ali ao acaso – tudo para dar ainda mais personalidade ao Meu Plano do Bem. E é mesmo assim. É mesmo este o meu jeito. Gosto de estar alegre e de soltar uma generosa gargalhada. Gosto de brincar e de ter um sentido de humor apurado (tem dias, de facto, mas tento sempre ver a melhor perspectiva). E tudo isto só existe pelo respeito e carinho que eu tenho pelo melhor combustível da vida – a minha comida do Bem. Eu sou aquilo que como e por essa razão, todos os legumes, frutas, leguminosas, proteínas, hidratos e até mesmo as gordices têm de ser de Verdade. E é esta energia que os meus alimentos têm que me fazem treinar e trabalhar melhor. Que transformam a minha VIDA em momentos alegres e cheios de ENERGIA. Não sou cá fundamentalista, mas para privilegiar os melhores momentos à mesa tenho de me focar no meu equilíbrio. Cada um tem o seu. E o meu é este – espelhado neste LIVRO que, a partir de hoje já pode ser vosso!

DEMOREI A LANÇAR UM LIVRO. EU SEI.
A CULPA FOI VOSSA. E AINDA BEM. 

Reuni, durante meses, as vossas perguntas mais frequentes e percebi que aquilo que vocês queriam saber, ao pormenor, era, basicamente, o meu Plano de Vida. Esse está espelhado no meu Instagram e nos meus Instastories, mas é tudo partilhado de forma espontânea. Aqui, quis perder ainda mais tempo. Parar. Pensar. E agora sim: Mãos à Obra. 

O meu Livro tem: a minha cozinha, a minha despensa, as minhas refeições, tudo aquilo que a minha marmita esconde, os meus truques para controlar o FORTE apetite que tenho diariamente e a toda a hora. E de onde vem esse tão grande apetite? Dos meus treinos. Há dias que a larica aperta mais e há dias que eu não aguento sem gordices. Por essa razão partilho convosco um plano semanal de treinos e alimentação. Não é espetacular? Mas há mais… Muito mais. Mas quanto a isso, não preciso de me alongar. Está tudo no livro - “O Meu Plano do Bem”. Giro o nome, não acham? Nunca o previsível assentou tão bem. Que outro nome poderia ter? “Eu Não Aguento o Meu Plano do Bem?!” – olha… A pensar!

Não sou de “amaciar o pêlo” a ninguém, mas na realidade nunca me passou pela cabeça escrever um livro até ao dia em que receber um pedido destes (o de escrever um livro), através das minhas redes sociais, se tornou diário. Às tantas pensei: “Bom, se calhar tenho mesmo de dar um passo mais à frente e parar mesmo para pensar neste desafio que me estão a lançar”. Não me deixo influenciar, mas quando faz sentido, não tem como não abraçar. E é aqui que, de forma genuína, “amacio o vosso pêlo” e digo honestamente: obrigada por me despertarem para este livro. Cresci muito durante a criação do mesmo, conheci pessoas incríveis e até descobri formas novas de cozinhar. Porque parei para pensar, com muita calma nessa hora. Isto de ter energia é bom, mas às vezes é preciso saber gerir no momento certo e à hora certa. E vocês nisso estiveram TOP. Espero que gostem.

"O MEU PLANO DO BEM" já está à venda nas livrarias e hipermercados, de norte a sul do país.

 

Making Of


Foi uma aventura deliciosa fotografar a comida, a capa do livro e os meus momentos a treinar.

 

Uma das coisas boas na produção deste livro, foi claramente, como disse acima, as pessoas que se cruzaram no meu caminho. Inês Mendes da Silva, minha amiga e minha agente que dá tudo, o que tem e o que não tem, para eu estar feliz. Em casa dela fotografámos sumos, wraps, saladas, panquecas, ao som de boa música, num terraço incrível e em boa companhia. A Bárbara é “pro” nestas coisas de styling. Melhor que isso é ela ter a clara noção daquilo que eu gosto. A Rita é a irmã que nunca tive e das melhores profissionais que alguma vez conheci – vemos a comida do mesmo jeito. O André fotografou o livro – a melhor lente para a comida do Bem. A capa do Livro!! Gosto tanto daquela coroa de tomates. Eu sabia que queria um legume, mas deixei a parte criativa, e bem, com o Hair Fusion. A pessoa ri, mas ri com classe! Joana Moreira, faz-me sentir que não estou maquilhada. E isso é tão difícil de conseguir. Só mesmo uma boa maquilhadora. Quinta do Arneiro! Vocês já sabem tudo… São a minha segunda família. Não fazia sentido fotografar num outro lugar que não aquele. Quero também agradecer à minha querida Terra Pura. Sempre acreditaram em mim e alinham em todos os meus projetos. Gosto que confiem em mim. E quando assumo um compromisso não falho, dou tudo. E este livro tem tudo.