sidemenu-retrato-IAIS.png

Malta!

Bem-vindos ao I am Isabel Silva. Escrevo sobre a minha vida, os meus alimentos, as minhas corridas, o meu Caju. Espero que desfrutem.

Aprendam a fazer a receita que eu preparei no “A Tarde É Sua”

Aprendam a fazer a receita que eu preparei no “A Tarde É Sua”

Saborosa, é altamente nutritiva e faz-se num instante. Eu ensino-vos a preparar uma bowl super saudável.

Esta semana estive com a Fátima Lopes no programa “A Tarde é Sua” e o tema da conversa andou à volta do meu segundo livro, “A Comida que me faz Brilhar”. Ela pediu-me para escolher e confecionar em direto uma das receitas que tenho no livro, mas eu optei por outra coisa. Isto porque eu não sou especialista em cozinha nem nutricionista, e normalmente preparo pratos rápidos e simples, porque para mim “menos é mais”. E a minha comida é linda e tem sabor. Quando um legume, uma fruta, um cereal ou uma proteína são de qualidade, é fácil criar um prato saboroso, nutritivo e saudável. Essa é a minha máxima: privilegiar sempre a natureza dos alimentos. A partir daqui é começar a criar na cozinha.

IMG_0147.jpg

Mais do que seguir uma receita, o importante é entendermos aquilo que estamos a comer. Quais são as funções dos nutrientes que estou a ingerir? Qual a quantidade ideal que devo colocar na receita? Tenho treino nesse dia? Vou estar o dia todo sentada? Tudo isto conta e tudo isto tem de fazer sentido para que, depois da refeição, nos sintamos saciados mas ao mesmo tempo leves e com energia. Não é aquela coisa de acabarmos de comer e sentirmo-nos tão cheios que nos atiramos para o sofá e ficamos ali a vegetar e a sentir as calorias e as gorduras a instalarem-se onde não as queremos.

É assim que te sentem quando terminam uma refeição?

Às vezes eu também abuso, é verdade, porque os olhos também comem, não é? Mas uma coisa é certa: mais ou menos quantidade, o meu prato tem sempre um cereal integral (que varia entre arroz, millet e trigo sarraceno) e uma leguminosa (que pode ser feijão, grão, lentilhas ou ervilhas). Só com estas duas combinações, já tenho uma boa dose de proteína. Mas há mais. Também tenho de ter sempre uma alga (gosto muito de aramé ou wakamé, ótimas fontes de minerais) e produtos fermentados. É certo que nesta receita não coloquei, mas tenho sempre em conta porque são ótimos probióticos e o meu intestino agradece. Por fim, nunca dispenso legumes crus.

Esta é a base. Depois é deixar “acontecer naturalmente”. Juntem as vossas especiarias preferidas, frutos secos, molhos, façam cru, cozidos, a vapor, fica ao gosto de cada um. Mas interessa, em primeiro lugar, entenderem o que estão a comer e o porquê de estarem a ingerir determinados alimentos.

Esta foi uma receita feita com base naquilo que tinha no meu frigorífico no dia anterior. Apenas demolhei as ervilhas e o arroz integral na véspera (antes de cozer).

IMG_0146.jpg

Podem espreitar o vídeo aqui e assistir ao passo a passo.

Ficou uma delicia, de tal forma que levei para o jantar, mesmo sabendo que ia jantar a casa de um amigo. O que seria desperdiçar uma refeição tão deliciosa e nutritiva?!

Os meus amigos já não dizem nada... aliás, dizem: “Por que é que não trouxeste para a malta toda?” Aqui fica a receita:

IMG_0144.jpg

Receita

Bowl

Ingredientes

  • Courgetes
  •  Tomates
  •  Ervilhas
  •  Brócolos
  •  Arroz integral
  •  Biovivos de ervilha

MÉTODO

  1. Comecei por fazer um salteado de cebola, tofu e cogumelos shitake. Tudo com óleo de coco, um fio de azeite e vinagre de arroz.
  2. Juntei quatro colheres de ervilhas e quatro colheres de arroz integral (ambos sem sal, cozidos apenas).
  3. Depois juntei ao salteado, deixei apurar e coloquei pimenta preta.
  4. Escaldei uns brócolos, fiz esparguete de courgete com o espirilizador (Também podem ver aqui a receita que fiz de noodles de courgete) e cortei tomates cherry.
  5. Depois foi montar a BOWL.
 
Vejam como são os meus alongamentos depois de uma corrida

Vejam como são os meus alongamentos depois de uma corrida

Este é um dos meus segredos para conseguir estar sempre em forma

Este é um dos meus segredos para conseguir estar sempre em forma