A minha e a melhor sobremesa do Mundo é da Rita

 

A mais bela amizade nasce por culpa de um CHEESECAKE

Sim. Um cheesecake. Mas não é um qualquer. Em primeiro lugar porque foi feito pela Rita e ela (podem perceber ainda melhor no BLOG cocooncooks.com) coloca AMOR em tudo o que faz. E este sentimento é SÓ o segredo para tudo dar certo nas nossas vidas. Para ser sincera, qualquer um que ela faça só me faz dizer, vezes sem conta, a minha rica expressão "Eu não aguento!". E pondo as coisas desta forma, impõe-se, para muito breve, vocês experimentarem esta receita. O talento é dela, mas ela só há bem pouco tempo é que percebeu que aquilo que ela faz, é realmente incrível. É tipo... As tuas papilas gustativas vão ao delírio e ficam tão gulosas que, para parar, é mesmo preciso "botar" tudo abaixo (ou então, e deixo já aqui a dica, podem congelar aos cubinhos e funciona como um gelado). Sim. Isso... Comecem já a salivar.

Faço deste cheesecake uma sobremesa, um snack ou mesmo um pré-treino. Tudo porque os ingredientes são Do Bem. As gorduras, neste caso, o óleo de côco e os cajus, são gorduras boas, o açúcar esse sacana não existe, só os que estão naturalmente presentes na fruta e o néctar de agave, e depois está isento de leite e ovos. Nada contra os meus ricos ovos, mas a Rita é vegana e, dessa forma, eles não fazem parte da sua alimentação. É tão guloso!!! Às vezes até me irrita de tão delicioso. Eu sou muito gulosa com doces e este leva-me às "núuuBennnnsssss" – não aguento só de pensar. Bom... Adiante.

Pedi-lhe para fazermos juntas um vídeo com a receita. "Rita, fazemos o passo a passo em vídeo. É mais intuitivo, tudo tem mais vida e eu quero que todos aqueles que o virem sintam a mesma "cena" que eu" (eh pah... vejam e vão perceber). Ela, naquela altura, sempre muito tímida, colocou-me algumas perguntas... MAS não hesitou!! Só me pediu: "Isabel conduz a conversa Ok?". Com certeza Rita!! Isso é só aquilo que eu quero fazer!!

 
 

Aí está ele pessoal!!! Tão incrível!
 

Obrigada Rita. Gosto de falar de sentimentos. Dos meus sentimentos por aqueles que me querem bem. Conheci a Rita numa das minhas reportagens para o programa Você na TV. 
Numa manhã de Verão estava destacada para fazer uma reportagem numa cafetaria em Lisboa que tinha a particularidade de ser... dentro de um autocarro – a Cafetaria Village no Village Underground Lisboa. A Rita não foi a minha entrevistada. Mas ela, na altura que lá trabalhava, era a menina das sobremesas incríveis. Melhor, ela era especial porque fazia cheesecakes veganos como ninguém (esta foi a imagem que fiquei dela logo à primeira vista). Eu só ia provar. Na altura pensei: "Um cheesecake logo de manhã? Muita calma nessa hora", mas depois da primeira trinca, percebi que aquilo que estava à minha frente tinha a desculpa perfeita para ser comido em qualquer altura do dia. Foi tudo tão prazeroso que tive de lhe dizer "Este cheesecake foi a melhor coisa que comi nos últimos tempos". Ficámos um tempinho a falar. E logo ali percebi que a Rita é muito mais do que uma mulher que faz cheesecakes do outro mundo. Ela é a irmã que eu nunca tive. Às vezes a vida passa e nunca chegamos a saber o que são estes sentimentos... Eheheheheh!! Eu sei! Rita, eu não aguento!

Malta, sintam só os sabores que eu já provei. Algumas destas receitas também estão no blogue dos Cocoon!

 
 
 

Cheesecake de Laranja, Goji e Morango


INGREDIENTES

BASE
8 Tâmaras medjoul, sem caroço
95 gr. flocos de aveia
100 gr. nozes
25 gr. bagas de goji
1 pitada de sal dos himalaias

CREME
330 gr. cajus crus demolhados durante a noite (no mínimo 4 horas)
50 ml. sumo de limão
200 ml. sumo de laranja
125 ml. óleo de côco
125 ml. néctar de agave
raspa de 2 laranjas
25 gr. bagas de goji demolhadas durante 10 minutos em água morna

GELEIA DE MORANGO
200 gr. morangos
4 tâmaras medjoul, sem caroço
80 ml. néctar de agave
sumo de 1/2 limão 

Guarnecer com 300 gr. morangos, bagas de goji e nozes picadas

MÉTODO

BASE:

  1. Juntar as nozes, as bagas de goji e a aveia no robot de cozinha/trituradora e processar em velocidade alta até que os ingredientes fiquem totalmente triturados e envolvidos.
  2. Com o motor a trabalhar em velocidade média, juntar as tâmaras sem caroço uma a uma.
  3. Acrescentar a pitada de sal e processar novamente em velocidade alta durante cerca de 20 segundos.
  4. Colocar esta mistura numa forma forrada com papel vegetal e prensar com as mãos até formar uma base firme e plana.

CREME:

  1. Juntar os cajus demolhados e escorridos, o sumo de laranja e limão, o néctar de agave e as bagas de goji demolhadas e processar em velocidade alta.
  2. Com o motor a trabalhar em velocidade média, juntar o óleo de côco em fio.
  3. Processar na velocidade máxima durante 1 minuto.
  4. Juntar a raspa de laranja e envolver em velocidade mínima ou com a ajuda de uma espátula.
  5. Verter o creme sobre a base e agitar gentilmente a forma para que fique bem espalhado.
  6. Colocar o cheesecake no congelador durante um mínimo de 4 horas.

GELEIA DE MORANGO:

  1. Juntar os morangos, o néctar de agave e as tâmaras sem caroço no robot de cozinha/trituradora e processar em velocidade alta durante cerca de 30 segundos, até obter uma geleia homogénea.

 

  1. Retirar o cheesecake do congelador e desenformar.
  2. Deixar descongelar durante cerca de 10-15 minutos.
  3. Verter a geleia sobre o cheesecake e guarnecer com morangos e bagas de goji.
  4. Fatiar e servir!
 
 

IMAGEM e edição de Samuel Costa